Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil e Ecumene



ID: 2676

Julia Braband, membro do Conselho da FLM, falou ao Sínodo dos Bispos Católicos

12/10/2018

Encontro ao nível dos olhos como igreja para todas as gerações

Julia Braband, membro do Conselho da FLM, falou ao Sínodo dos Bispos Católicos

“Com as nossas boas experiências na Federação Luterana Mundial, quero encorajá-los todos a aceitar o envolvimento da juventude como um 'laboratório de fé'”, disse Julia Braband quando se dirigiu à 15ª Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos, que está sendo realizada no Vaticano, de 3 a 28 de outubro. O tema do Sínodo é Jovens, a fé e o discernimento vocacional.

Julia Braband é membro do Conselho da FLM e está representando a Federação Luterana Mundial (FLM) como convidada ecumênica nesta conferência mundial católica, para a qual cerca de 40 jovens de todo o mundo também foram convidados. Ela tem 25 anos de idade e é estudante de teologia. É membro da Igreja Evangélica na Alemanha Central e traz consigo oito anos de envolvimento voluntário em diferentes órgãos governamentais da igreja. Ela defende a plena participação dos jovens nos processos de vida e de tomada de decisão da igreja.

Levando a juventude a sério

Julia Braband está convencida de que “o primeiro e mais importante passo é ouvir os jovens e levar em conta a sua diversidade”. Mas “é ainda mais importante levar a sério as preocupações dos jovens membros das igrejas e dar-lhes plena voz nas comunidades, encontrando-se com eles ao nível dos olhos. Essa é a única maneira pela qual a igreja pode ser uma igreja para todas as gerações”, disse ela em seu discurso.

Hoje, 20% de todos os membros dos órgãos de decisão da FLM são jovens e jovens adultos com menos de 30 anos. Essa cota agora está sendo fortemente defendida - não apenas por nós, jovens, mas também por muitas outras pessoas. Julia Braband, membro do Conselho da FLM, no Sínodo dos Bispos do Vaticano

Ela relatou sobre os processos com os quais a FLM esteve envolvida desde sua decisão de 1984 sobre a participação dos jovens e apontou para seus resultados práticos: “Hoje, 20% de todos os membros dos órgãos de decisão da FLM são jovens e jovens com menos de 30 anos. Essa cota agora está sendo fortemente defendida - não apenas por nós, jovens, mas também por muitos outros membros”.

No entanto, Julia Braband estava preocupada que o processo de participação dos jovens ainda não estivesse concluído. Nas igrejas membros da FLM ainda há trabalho a ser feito: “Por essa razão, a assembleia da FLM no ano passado na Namíbia, mais uma vez, convocou todas as igrejas membros para implementar a cota jovem.”

Relações ecumênicas

Embora ter falado ao sínodo de bispos católicos tivesse sido um evento especial para Braband, ela segue em construir boas relações ecumênicas em sua própria igreja, particularmente com a Federação de Jovens Católicos Alemães (BDKJ). “Particularmente, penso nos muitos eventos marcantes que organizamos juntamente com os jovens católicos. É muito importante em nossas relações ecumênicas perceber que estamos empenhados na mesma causa e em terreno comum”, diz Braband.
 

Foto: Julia Braband (ao meio), membro do Conselho da Federação Luterana Mundial está representando a FLM no sínodo dos bispos da Igreja Católica Romana que ocorre no Vaticano. Saudou o Papa Francisco juntamente com Thomas Andonie, Presidente da Federação de Jovens Católicos Alemães. Foto: FLM / Julia Braband


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Ao deixar de orar por um único dia sequer, perco grande parte da minha fé.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Deus nos conhece completamente.
2Coríntios 5.11
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br